Menu fechado

Você pode substituir a neurose por valores e princípios

Que mãe ou pai nunca “pagou língua” com relação a seus filhos? Antes de tê-los talvez você pensasse que NUNCA os deixaria na frente da TV para você ter descanso, ou que não daria “besteiras” açucaradas ou gordurosas para seus pequenos DE JEITO NENHUM, ou que os amamentaria no peito e não daria mamadeira EM NENHUMA HIPÓTESE até 6 meses, pois as campanhas de amamentação são bem claras nessa recomendação. Isso sem falar nas frases que começam com “filho meu não vai…”, e os pensamentos críticos em relação àquela mãe ou àquele pai que não está conseguindo controlar os gritos do filho.

Mas chegou a sua vez e tudo saiu do planejado. A rotina que você tanto planejou está menos rígida do que você gostaria, seu filho chora mais do que você sonhava e há momentos que você dá, sim, o que ele insiste que quer só para ficar livre.

É… quem é mãe ou pai sabe que a palavra CONTROLE não está no dicionário da criação de filhos. Criá-los não é mesmo uma ciência exata. Aqui, somos totalmente a favor da criação sem grilos e apoiamos 100% mães que “pagam língua” e que já descobriram que o importante é amar e fazer o melhor que podem, pedindo ajuda quando precisarem. Muitas vezes, as situações vão se apresentando e, só então, você descobre o melhor a ser feito.

Existe um problema que acontece quando o pai ou a mãe se fixam em ideais pré-concebidos ou mesmo passados por outra pessoa, muitas vezes causando sofrimento desnecessário. O compromisso deve ser com os PRINCÍPIOS, NÃO COM OBRIGAÇÕES concebidas fora de contexto. Crianças são todas diferentes, o que funciona com uma não necessariamente funcionará com outra. Crie crianças com valores, ética, moral e leve todo o resto com moderação e sem neuroses (se possível!).

 

Carolina Moreira é neuropsicóloga e mestre em Psicologia. É psicóloga clínica na Universidade Federal de Uberlândia. Tem treinamento em ansiedade, depressão e terapia cognitivo-comportamental pelo Beck Institute e pelo Oxford Cognitive Therapy Centre. CRP 04/27390